Por que a fé dá essa certeza, quando todos deixam de acreditar?

Quando assumi a diretoria de uma escola iniciei analisando a secretaria, sempre que uma das funcionárias considerada intocável faltava todas as segundas feiras, ninguém sabia porquê. Na reunião a chamei em particular para saber sobre as suas faltas e ela me contou que tinha um filho de 7 anos que há 5 anos deixou de ter movimentos nos membros inferiores.

Iniciou a busca da cura, mudava de médico quando ele afirmava não ter cura, foram inúmeros profissionais, todos os exames feitos,  sempre a mesma afirmativa: não existe possibilidade de cura. Ela desistiu de acreditar nos homens e começou a peregrinação em busca de Deus.

Todas as segundas feiras, ela colocava o filho nas costas e subia a estreita ladeira para tomar o ônibus e ir para a igreja, onde passava toda a manhã conversando com Deus, esperando a sua resposta (que há 2 anos chovesse ou fizesse sol ela ia buscar). Esse hábito semanal de fé, colocando a crença na prática, motiva, encoraja a enfrentar o desafio com vontade, determinação e disciplina.

Questionamento:

■ Por que a fé dá essa certeza, quando todos deixam de acreditar?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.