DIVERSOS – Relembrando o Poeta

A idade de ser feliz

 

Geraldo Eustáquio de Souza

 

Existe somente uma idade para a gente ser feliz, somente uma época na vida de cada pessoa em que se pode sonhar e fazer planos, e ter energia bastante para realizá-los.

 

Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente com o entusiasmo dos amantes e com a coragem dos aventureiros.

 

Fase duradoura em que se pode criar e criar a vida é imagem e semelhança dos nossos desejos e sorrir e cantar e dançar e vestir-se com todas as cores e experimentar todos os sabores.

 

Tempo em cada limitação humana é só mais um convite ao crescimento, um desafio a lutar com toda energia e a tentar algo novo de novo e de novo e quantas vezes for preciso.

 

Essa idade tão especial e tão única chama-se Presente, e tem-se apenas a duração do instante que passa…

…doce pássaro do aqui e agora que quando se dá por ele já voou para nunca mais!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.